Jesus salvou os bandidos que me assaltaram

Testemunhos - Testemunhos

Avaliação do Usuário: / 1
PiorMelhor 
Paz do Senhor!

Aconteceu um grande milagre na minha vida e na vida da minha esposa e nas dos nossos filhos.
No dia 28 de junho (domingo), a igreja a qual eu sou pastor comemorou meu aniversário.



No dia seguinte, segunda feira, quando me preparava para deixar meu filho na escola ele abriu o portão de casa e de repente dois rapazes abordaram meu filho no portão, e entraram.
De repente, os dois rapazes sacaram um revólver e anunciaram o assalto, mandaram que eu descesse da moto mas eu estava totalmente fora de mim.

Eles entraram em nossa casa fechando as portas, anunciando que só queriam dinheiro e celulares. De repente, eles olham para o nosso sofá e vêem um pasta executiva, mandou que eu a abrisse. Quando eu abri ele viu a Bíblia Sagrada, então ele me perguntou o que tinha dentro dela. Eu respondi: a Bíblia. Nesse instante ele sente um impacto.

Um dos bandidos se aproximou de mim com a a arma a pontada ao meu peito, já com alguns objetos em suas mãos. O outro bandido que estava na primeira sala
dando cobertura, chegou gritando: "ZÉ ELES SÃO CRENTES, ZÉ ELES
SÃO CRENTES, ZÉ ELES SÃO CRENTES!" Desesperadamente gritando e nesse instante o Senhor meu deu uma autoridade, uma unção, uma graça poderosa, e eu olhei para aqueles dois bandidos, e falei pra eles, que eles eram um presente de Deus na minha vida, que aquele dia era o dia do meu aniversário. Aqueles bandidos não estavam entendo mais nada. Falei que iria orar por eles. Mesmo ele com a arma apontada para mim, estendi as mãos para a cabeça dos dois e comecei a orar.

Quando estava chegando ao fim da oração aqueles dois homens estavam
chorando. O que estava com a arma apontada para mim tirou o capacete, o outro tirou seu capuz, olhou para mim e disse que a mãe dele também é crente.

Eu e minha esposa ficamos muito emocionados com aquelas palavras. Aí pedi para fazer mais uma oração por eles e eles aceitaram, guardaram as armas e prostaram-se.


Eles devolveram tudo o que estavam levanod e um deles anunciou que não seria mais assaltante, nos abraçaram e pediram perdão.

Nós o abraçamos, choramos juntos e o nome do Senhor foi glorificado.
O vídeo deste testemunho está no youtube: Pastor Pedro Alexandre O Protegido