Deus realiza o sonho do jovem casal Elisângela e Vitor

Notícias - Missões

Avaliação do Usuário: / 0
PiorMelhor 

Não pare de sonhar.

Sonhe coisas grandes, belas e frutíferas. Os nossos sonhos são elementos para Deus trabalhar em nossas vidas. Por isto, como servimos ao Deus Todo-Poderoso, coloquemos todos os nossos sonhos à disposição de Deus e não relaxemos a comunhão com ele, isto é:


Todos os dias – preferencialmente pela manhã antes de iniciar as atividades do seu dia regular – passe pelo jardim da oração para regar os seus sonhos com o orvalho da fé, renovar os seus votos com o seu Deus e perguntar-lhe sempre: Senhor, que queres tu que eu faça?

Dê um tempo, aquiete-se sobre os joelhos, é uma pausa necessária. Aguce os ouvidos do coração, e com toda certeza, você ouvirá uma voz suave, enternecedora e convincente que o levará a fazer a vontade de Deus.

Aí está o segredo – e quem o disse foi o Salmista Davi, um servo do Eterno, que desde muito pequenino desenvolveu uma íntima comunhão com Deus. “Deleita-te também no Senhor, e ele ter concederá o que deseja o teu coração. Entrega o teu caminho ao Senhor confia nele e ele tudo fará” (Sl 37.4,5).

A jovem Elisângela tinha o sonho de com vestes nupciais ir ao altar de Deus para receber as bênçãos do santo matrimônio.

Persistiu na oração sem desfalecer e procurando o caminho da vontade de Deus, para, como deseja toda mulher, ter este sonho realizado.

E, finalmente, na radiante tarde de 23 de fevereiro de 2008, às 18 horas, o noivo, Vitor Nonato Gomes movido pela ação de Deus em sua vida proporcionou a Elisângela o maior dos banquetes que por ordenança de Deus foi instituído no paraíso, quando o homem ESTAVA em estado de inocência. Foi o Senhor quem disse lá no Gênesis: “Não é bom que o homem esteja só. Dar-lhe-ei uma adjuntora”.

E foi com grande expectativa que após a entrada dos noivos sob o tom de marcha nupcial, toda igreja ouviu solenemente do Pastor João Barbosa da Silva a seguinte declaração:

Amados irmãos e amigos, nesta noite memorável, estamos reunidos na presença de Deus, das testemunhas e da igreja para unir este homem a esta mulher pelos laços do santo matrimônio.

Após colocarem as alianças, ajoelhados ao pé do altar, Vitor e Elisângela receberam a bênção na oração do Pastor, que se dirigiu a Deus com a seguinte expressão: “Deus Eterno, Criador e Consolador do gênero humano, doador da vida, abençoa este homem e esta mulher, para que vivam em paz e em amor.

Ajuda-os a cumprir, e guardar os votos e as promessas que fizeram neste dia memorável: viver em santo matrimônio, amando, honrando, cuidando e tributando fidelidade de forma recipróca conforme se expressaram diante de Ti, de seus familiares, testemunhas e de toda igreja, enquanto viverem – Amém”.

Em seguida os noivos entoaram juntos uma bela canção de gratidão ao Deus Soberano que continua realizando sonhos – como diz Elisângela – é só orar, agradar a Deus e esperar.

A festa continuou com uma linda recepção no salão de festa da igreja onde os noivos receberam os cumprimentos de grande número de irmãos e amigos.