Jovens cristãos investem na fé durante feriado

Notícias - Jovens

Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 

 

alt

Na contramão do mundo, jovens aproveitam período de carnaval e promovem motivação espiritual

 

Embora o carnaval seja uma das maiores festas populares do Brasil, atraindo multidões de admiradores, jovens cristãos aproveitam este período, comum para o excesso de ingestão de bebidas alcoólicas e outras drogas, promiscuidade e proliferação de doenças sexualmente transmissíveis, além de acidentes, para fortalecer a fé. E a pensar em como aproveitar melhor esta data de feriado prolongado, os jovens da Assembleia de Deus Missões (ADM) em Campo Grande, se organizaram e realizaram simultaneamente na terça-feira (21/2) um retiro espiritual.

Com um diferencial, pois neste ano a União de Mocidade das Assembleias de Deus em Campo Grande (Umadecamp) reuniu uma caravana com 140 jovens, divididos em 3 ônibus que seguiram para um evento na igreja em Três Lagoas (MS). Pela manhã, participaram do culto, no período da tarde visitaram o Balneário Municipal e no encerramento à noite, cultuaram ao Senhor e, depois do jantar, voltaram em segurança para a capital.

Jovens do Aero Rancho

A juventude da ADM no bairro Aero Rancho não viajou, mas adotou a idéia de se reunirem no Recanto Sogrinha para um dia de louvor, gincana bíblica, diversão e reflexão na Palavra.

Novo Amazonas

No bairro Novo Amazonas não foi diferente. Os jovens da sub-sede da ADM (Setor 7), se deslocaram para a Chácara MM em busca de descanso e aprendizado bíblico. Houve almoço, espaço com direito a piscina e campo para praticar esportes.

A intenção segundo organizadores é buscar opção de entretenimento saudável, sem faltar à meditação na Palavra de Deus, meio de alimentar a alma.

“Considero muito importante, pois com estes eventos a juventude não fica dispersa, já que existem inúmeras opções não nesta época. O Retiro é muito conhecido e esperado por ser alternativa saudável e que fortalece, entre outras coisas, a união”, explicou o líder de Jovens, Enéias Aguinele, da congregação do Aero Rancho.

Enquanto os foliões comemoravam o carnaval, pessoas não simpatizantes prefeririam participar de um retiro longe da festividade por opção cristã e social.

“Por ser cristão, não comemoro o carnaval prefiro ir para um retiro evangélico, longe de barulhos e bagunças. Eu me desligo até da televisão, que nesta época só mostra isso. Já como cidadão também não gosto da festa, penso que causa prejuízos demais a sociedade, como o aumento de acidentes, consumo de bebidas, gravidez indesejada e doenças. Coisas adquiridas em um momento, mas que serão carregadas por toda a vida”, comentou o estudante de Administração, Marcelo Farias.

 

Histórico

O carnaval teria surgido na Grécia por volta de 600aC como meio de agradecimento aos deuses pela fertilidade e reprodução. Foi adotado pela Igreja Católica Romana por volta do ano 590 e a versão que se conhecemos hoje, com desfiles e fantasias, foi desenvolvida em Londres, no século 19. Curiosamente a festa termina no início da também católica quaresma, com altos índices de mortes, acidentes, exageros entre outros. Ao final da festividade inicia-se a chamada Semana Santa (!?).

alt