Assembleia de Deus cresce em MS cerca de 5% diz Censo

Notícias - Evangelismo

Avaliação do Usuário: / 3
PiorMelhor 

 

alt

Segundo o Censo 2010, a igreja Assembleia de Deus permanece como a maior denominação cristã no Brasil. Durante o período de 2000 a 2010, os dois últimos censos do IBGE a igreja cresceu de 8,4 milhões para 12,3 milhões, enquanto a Universal perdera 300 mil membros, a igreja católica também segue em queda. Os cristãos (evangélicos) somavam em 2010, 15,4% da população, mas com o novo Censo, em 2010 já somavam 22,2%%. As Regiões com menor percentual de evangélicos em relação à população são o Nordeste e Sul.

Em Mato Grosso do Sul, mais de 30% são da Assembleia de Deus que se destaca também por ser a denominação evangélica com maior quantidade de membros e percentual, com quase 5% da população total. Em Campo Grande a denominação possui 5,55%. Mais de 50% dos evangélicos são pentecostais e, destes, 30% são da Assembleia de Deus.


De acordo com o Censo 2010, o Estado possui 2,4 milhões de habitantes. Com um percentual de 30% de cristãos evangélicos em relação à população sul-mato-grossense. Os evangélicos pentecostais foram contabilizados chegando a 15,2% da população, onde 5,5% pertencem à igreja Assembleia de Deus com cerca de 120 mil membros no Estado. Aproximadamente 5,7% da população frequentam as igrejas tradicionais, dentre eles estão os batistas com 65 mil membros em suas missões.

Nos outros Estados, destaque para Rondônia que tem o maior índice de cristãos, com 35%, contra 49,2% de católicos. Já entre as grandes capitais, o Rio de Janeiro se destaca com 23,2% da população contra 27,9% de católicos. São Paulo também possui um numero considerável de 21% de evangélicos em sua capital. 

alt