Vídeo: Pr. Ciro Zibordi ensina como viver para a Glória de Deus

Vídeos - Vídeos

Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 

Na manhã missionária deste domingo, 22 de junho, o Pastor Ciro Sanches Zibordi pregou sobre as atitudes diárias que o cristão deve evitar de forma a viver de maneira que Deus seja glorificado. Nisto, mostrou que não somente as grandes decisões da vida mas também as efemeridades do cotidiano são importantes para mantermos uma postura condizente com um caráter de servo de Deus. Para glorificar a Deus os crentes devem:

1) Evitar coisas que, apesar de lícitas, sejam incovenientes para uma vida cristã. O uso de piercings, de tatuagens, do fumo e do álcool, apesar de não serem claramente identificados como pecados diante de Deus podem ser incovenientes para o cristão por estarem associados a comportamentos negativos.

2) Não deixar-se dominar por passatempos efêmeros tais como futebol, novelas, cinema, Internet (ressaltando que o entreteimento ocasional não é nocivo, de maneia geral).

3) Evitar embaraços de negócios ou relacionamentos que firmam-se em jugo desigual, entre esses os relacionamentos profissionais ou amorosos com pessoas que não têm compromisso com o Reino de Deus. No jugo desigual o filho de Deus sempre leva desvantagem.

4) Evitar práticas que não edificam. Pessoas que exageram na jocosidade podem estar prejudicando a aparência cristã e desviando-se de oportunidades de edificar a si mesmo e aos outros.

5) Evitar tudo o que for parecido com o pecado mesmo que não esteja claramente elencado na Bíblia como tal.

6) Fugir de coisas semelhantes às obras da carne. O amor ao dinheiro, o narcisismo, o comportamento metrossexual são semelhanças da idolatria; o "ficar", prática comum aos jovens de hoje, é uma aproximação da prostituição.

7) Manter um comportamento pautado pela honestidade, pela amabilidade e de boa fama. A pirataria de música e filmes e a "cola" em provas são desonestidades que não glorificam a Deus; a falta de amabilidade nas comunidades do Orkut do tipo "Eu odeio..." devem afastar os verdadeiros servos de Deus; gêneros musicais associados a comportamentos anti-cristãos, como o funk, são influências negativas para a mente humana e deles o cristão deve se abster.