Vídeo: Pr. Josué Brandão: Mulher - parceira de Deus

Vídeos - Vídeos

Avaliação do Usuário: / 63
PiorMelhor 

O último culto do 8° Congresso da UFADEMS, realizado neste domingo, 19 de agosto, teve como pregador o Pastor Josué Brandão, da Assembléia de Deus de Feira de Santana, Bahia. O tema da sua mensagem foi a parceria que Deus fez com a mulher para o nascimento, ministério, morte e ressurreição de Jesus.

(veja o vídeo)
Segundo o pastor, que também é teólogo e filósofo, Deus privilegiou a mulher com a concepção, gestação, amamentação e a formação inicial da personalidade de seus filhos.
A Maria, ainda virgem, foi revelada a chegada do Cristo. E por sua maternidade, em parceria com o Espírito Santo, o nascimento, nutrição e educação do Menino Jesus. Maria sabia do papel de seu filho no resgate da humanidade e teve o provilégio de concebê-Lo, dá-Lo à luz, amamentá-Lo e ensinar-Lhe os primeiros passos. Essa certeza era somente de Maria; os discípulos, João Batista, os irmãos de Jesus e Pilatos não a tinham, já que perguntaram se realmente Ele era o Cristo.
Deus colocou mulheres no ministério de Jesus para que Ele revelasse lições importantes para a humanidade:
- suas necessidades materiais eram supridas por mulheres (Lc. 8.3).
- a mulher cananéia deu um exemplo ímpar de humildade e de fé quando clamou pela cura de sua filha;
- Marta e Maria, irmãs de Lázaro, expuseram suas angústias de formas diversas e comoveram o coração de Jesus que, pelo sofrimento delas, chorou;
- a mulher pecadora que derramou aos pés de Jesus um ungüento de alto valor apenas para agradá-lo, atitude incompreendida até pelos seus discípulos mas recebida de bom grado por Jesus;
Durante seu suplício para o Calvário e durante sua execução, foram as mulheres que o acompanhavam em seu sofrimento.
E, ainda, em sua ressurreição, as primeiras pessoas a tomarem conhecimento foram mulheres que foram então encarregadas de anunciar a boa nova às demais pessoas.
Ao final da pregação do pastor baiano, dezenas de pessoas decidiram-se por Cristo. O congresso feminino foi encerrado com a salvação de almas e o engradecimento do Nome do Senhor Jesus Cristo.